Últimas histórias

  • Hoje tem “Elas cantam brega” no palco da Cidadela em Mossoró

    Pensar em brega é pensar na dor dos amores não correspondidos, na tristeza do abandono pela pessoa amada; é ainda declarar-se apaixonado, através da mais piegas das formas, e por que não? Também, na superação emocional por um amor que não deu certo. Tudo isso cantado de maneira romântica e, ao mesmo tempo, irreverente.

    É assim que as cantoras Kelly Lira, Symara Tâmara, Nida Lira e Alzinete di Oliveira trazem o show “Elas Cantam Brega”.

    Clássicos imortalizados por nomes como Diana, Nelson Gonçalves, entre outros, alinhados aos novos nomes da música romântica no Brasil, como a grande Marília Mendonça, numa mistura de ritmos, que vai de boleros, pop, ritmos latinos, forró, arroxa e breganejo.

    Elas Cantam Brega se apresenta hoje, 17/06, a partir das 23h, no Palco I da Cidadela, dentro da programação do Mossoró Cidade Junina.

  • São João de Natal contará com feirinha gastronômica e projeto “Cultura e Música” na Arena das Dunas

    Esse ano vai ter Festa Junina, sim sinhô! Dentro das atividades do São João de Natal, de 22 a 26 de junho, na Arena das Dunas, acontecerá a feirinha gastronômica do projeto “Comidas de rua e típicas”, além de atrações culturais com o projeto “Cultura e Música”.

    A feirinha contará com mais de 20 operações – e como toda festa junina pede comida típicas, o “Papo de Calçada” ficará responsável por todas as delícias: milho, canjica, pamonha e muito mais!     A feirinha contará ainda com o Caldinho Gourmet, Cozinha da Nega, Pipoca Arretada, Mister Crepe, Pizza Massa, entre outras delícias.

    Já o projeto “Cultura e Música” contará com atrações musicais locais, com o Festival “Faz Mais Elino”, em homenagem a Elino Julião, além do concurso de marchinhas juninas, com direção de Rafael Almeida, e ainda, mais uma edição do tradicional “Forraço” e o tradicional Festival de Quadrilhas Juninas.

    Os projetos “Comidas de Rua e Típicas” e “Cultura e Música” têm o patrocínio da Prefeitura do Natal e Arena das Dunas, via Lei Djalma Maranhão, e o apoio do vereador Aroldo Alves.

    SERVIÇO

    São João de Natal

    De 22 a 26 de junho – A partir das 18h

    Na Arena das Dunas

    PROGRAMAÇÃO:

    Dia 22 – 18h às 23h

    Abertura do Festival Mais Elino

    Leão Neto – Especial Elino Julião

    Concurso de Marchinhas Juninas

    Rodolfo Amaral

    Padre Caio

    Dia 23 – 18h às 23h

    Nailson

    Rodolfo Lopes

    Jaína Elne

    Dia 24 – 18h às 02h

    Bira Santos

    Roberto do Acordeon

    Yrahn Barreto

    Forró na Manha

    Dia 25 – 18h às 02h

    Zé Hilton

    Forraço

    Luizinho Nobre

    Khrystal

    Dia 26 – 18h às 23h

    Deusa do Forró

    Hugo e Heitor

    Circuito Musical

  • Programa da Prefeitura de reaproveitamento de podas gera sustentabilidade e economia em Natal

    Você já ouviu falar no lixo verde? O conceito vem da sustentabilidade e descreve o trabalho de reaproveitamento dos resíduos de poda de árvores, dando um destino sustentável a galhos, troncos e folhas. Em Natal, desde 2018 a gestão desse tipo de resíduos é feita de forma circular pela Prefeitura do Natal, dentro do projeto de arborização urbana executado pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur). “A gente tira da árvore e devolve para a natureza”, sintetiza a arquiteta e urbanista Renata Larissa, diretora do Departamento de Paisagismo da Semsur. “Reaproveitamos os resíduos na produção de mudas e no enriquecimento do solo”, completa.

    A trituração dos restos de podas e o reaproveitamento dos resíduos garantiu a Natal o reconhecimento da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana (SBAU), organização não-governamental de promoção da arborização urbana. O município foi escolhido para sediar o 9º Encontro Nordestino de Arborização Urbana, em 2023. “O convite a Natal confirma e coroa o trabalho da nossa gestão na luta por uma cidade mais verde e sustentável. Este ano lançamos a meta de plantar 20 mil árvores, mas sabemos que isso só é possível quando provemos a equipe de uma estrutura para que esse plantio aconteça de forma permanente, pois pensamos nas futuras gerações”, afirma o prefeito Álvaro Dias. 

    O serviço de poda, necessário para prevenir acidentes nas vias urbanas da cidade, é realizado regularmente pela gestão municipal. O serviço envolve quatro tipos de podas: de limpeza (retirada dos galhos mortos), de condução (para conduzir a árvore até a fase adulta), de contenção (para livrar a árvore dos elementos da infraestrutura urbana) e para o levantamento de copa. 

    O trabalho envolve técnicos e servidores municipais, além de caminhões trituradores, que dia a dia circulam na cidade fazendo o trabalho de controle urbano das árvores. Mensalmente são podadas de 700 a 1.000 árvores no perímetro urbano da cidade de Natal. No passado, todo o resíduo era transportado para o aterro sanitário, onde parte dele era incinerado, gerando CO2 (dióxido de carbono, gás responsável pelo aumento do efeito estufa) na atmosfera.

    Sustentabilidade

    O novo modelo de beneficiamento inaugurou uma gestão mais sustentável e mais comprometida com o futuro do planeta. “No momento em que a gente tritura, diminui a emissão de CO2 e faz o aproveitamento do material que antes era descartado e faz o beneficiamento, produzindo o composto”, explica Renata Larissa.   

    O material triturado vai para uma grande composteira, e uma vez por semana ele é revirado por retroescavadeiras e irrigado por um caminhão-pipa. Atualmente, o pátio de compostagem conta com aproximadamente 10 mil toneladas de podas. O tempo do material em depósito, bem como a temperatura, são controlados para evitar a fermentação do composto no solo. Após esse processo, o material orgânico é peneirado e enviado para o Horto Municipal, onde é utilizado como composto nas mudas produzidas no local.

    Arborização

    Natal tem cerca de 80 mil árvores urbanas, plantadas em calçadas, canteiros centrais e praças. “Esse material também é aproveitado nos canteiros da cidade. Nas novas praças e alamedas, que a Prefeitura vem inaugurando e que conta com um projeto paisagístico. Toda essa área arborizada tem esse material orgânico. Muitas áreas a gente também vem conseguindo  recuperar graças a esse composto”, aponta a arquiteta. Ainda segundo Renata Larissa, nesses três anos de funcionamento do novo modelo de gestão já foram utilizadas 600 toneladas de composto nos canteiros da cidade.

  • São João de Natal terá atrações na Feirinha da Árvore de Mirassol

    Shows musicais, feirinha de artesanato, apresentação circense e muito mais. Os festejos juninos promovidos pela Prefeitura do Natal seguem a partir desta sexta (17) com a realização da 5ª edição da Feirinha da Árvore, no bairro de Mirassol.

    A programação começa nesta sexta-feira, com o espetáculo circense de Cebolinha e Yuri (19h) e show de legítimo forró com Selminha, às 21h. No sábado (18), tem o palhaço Maçaroca (17h), João da Banda, Ryan o Mágico (18h) e shows de Nailson (19h) e Panka de Bakana, às 21h. No domingo (19h), a festa começa com os palhaços Cebolinha e Yuri (17h), João da Banda e shows de Kanelinha (19h) e Trancilin (21h). 

    Na segunda-feira (20), o evento segue com shows de Papel Gomes (19h) e Nara Costa (21h). E, na terça-feira (21), sobe ao palco Cida Lobo, fechando a quinta edição da tradicional Feirinha da Árvore em ritmo de São João.

    “A realização de eventos do porte do São João movimenta a economia criativa da cidade, gera emprego, renda, integram e trazem alegria para a população. A Feira da Árvore é uma iniciativa que já ganhou um cantinho especial no coração dos natalenses e a cada edição atrai mais público. Nesta edição especial junina, reforçamos a programação e a expectativa é a melhor possível. Com toda a certeza, teremos a presença de muitas famílias e turistas que irão apreciar o melhor da culinária, artesanato e serão brindados com ótimas apresentações dos artistas locais”, destaca o prefeito Álvaro Dias.

    A Prefeitura preparou uma programação com foco na valorização dos artistas locais, arraiás de bairros e nas quadrilhas juninas. Em uma demonstração de respeito e compromisso com o segmento cultural que representa a maior manifestação popular do Nordeste, a Secretaria Municipal de Cultura (Secult) lançou a maior oferta de editais da história da cidade, contemplando os arraiais de rua e quadrilhas juninas. A iniciativa visa a apoiar financeiramente até 18 quadrilhas juninas, sendo seis quadrilhas do Município de Natal, outras 10 da Região Metropolitana, uma quadrilha Junina infantil e uma cômica de Natal.

    Além das quadrilhas, o edital premia financeiramente duas Rainhas, dois Casais de Noivos e dois Marcadores. “O Festival de Quadrilhas Juninas é uma tradição que leva mais de três décadas. A premiação do São João de Natal será a maior do Estado. Nunca existiu isso na cidade. É fundamental que o poder público invista e abra espaço para fortalecer e manter viva e pulsante a tradição do São João em Natal. O prefeito Álvaro Dias mostrou essa sensibilidade e esse apoio é a demonstração disso”, ressalta o titular da Secult, Dácio Galvão.

    A outra seleção pública é voltada para apoiar 40 arraiás de rua em Natal. Cada selecionado irá receber R$ 5 mil de apoio financeiro para poder realizar os festejos na rua do seu bairro. Os arraiás selecionados deverão ocorrer no período de 15 de junho a 30 de julho.

  • Natal aplica 267 doses no Dia D do Sarampo e campanha continua

    A Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS/Natal) aplicou no último domingo (12), durante o Dia D da campanha contra o Sarampo, 267 doses da vacina nos Drives Via Direta e Nélio Dias. O número ainda é considerado baixo diante da meta de 46.630 pessoas de seis meses a menores de cinco anos a serem imunizadas na capital. Até o momento, o município completou 18% (8.424) do objetivo preconizado pelo Ministério da Saúde e a campanha continua com vacinação nas unidades básicas de saúde e pontos extras.

    Além da vacina contra o Sarampo, os pontos extras também aplicaram 620 vacinas contra a Influenza. O total de doses aplicadas foi de 887, contando todos os imunobiológicos disponíveis (Sarampo e Influenza). É possível ver todas as informações sobre as fases, públicos, documentação e dúvidas em vacina.natal.rn.gov.br .

    “Nas últimas campanhas de vacinação, apenas 69% (2021) e 83% (2020) das crianças foram vacinadas contra o sarampo, o ideal é que sejam sempre 95% do público-alvo. O sarampo é um vírus altamente contagioso e a principal forma de prevenção é a vacinação das nossas crianças. Também recomendamos que a população em geral vá ao posto de saúde verificar se está com todas as vacinas de rotina em dia”, indica o Secretário de Saúde de Natal, George Antunes.

    Os imunobiológicos da Tríplice Viral atuam contra o Sarampo, Rubéola e Caxumba. É necessário que as crianças tenham pelo menos duas doses administradas para considerar o esquema vacinal completo. Ao tomar a primeira dose, os responsáveis devem retornar com a criança ao ponto vacinal após 30 dias para completar a imunização.

  • Projeto Flor de Cactos realiza oficinas de composição musical em ONGs da capital

    O projeto Flor de Cactos realiza, a partir deste mês de junho, oficinas musicais em ONGs da capital potiguar.  As oficinas têm como objetivo estimular que outras crianças conheçam os processos de composição musical vivenciados pelas crianças do GACC RN, que culminaram na criação do álbum Flor de Cactos, com 10 faixas de músicas compostas pelas crianças atendidas pelo GACC RN.

    As oficinas serão um encontro entre crianças atendidas por ONGs que desenvolvem trabalho de educação musical e as crianças compositoras do álbum Flor de Cactos. Os facilitadores de cada oficina irão compartilhar suas experiências em canto, ritmo e poesia e as crianças do GACC RN irão apresentar suas composições. O encontro promete ser uma vivência especial na vida dos participantes.

    O projeto Flor de Cactos é uma parceria entre o GACC-RN e a Mapa Realizações Culturais, inspirado no trabalho de musicalização desenvolvido pela artista Rafaela Brito no GACC- RN. Conta com o patrocínio da Neoenergia Cosern e Governo do Estado do Rio Grande do Norte, numa iniciativa do Instituto Neoenergia através do Edital Transformando Energia em Cultura e do Programa Câmara Cascudo.

    Programação das oficinas

    – 15/06 (quarta) às 9h – Ilha de Música – Coordenação: Inês La Torraca
    Oficina de canto com Sabrina Fernandes

    – 18/06 (sábado) às 9h – Movimento Cultural Nossos Valores – Coordenação Miguel Carcará
    Oficina de percussão e ritmo com Rafaela Brito

    – 30/06 (quinta) às 9h – ONG Atitude Cooperação – Coordenação Socorro Nogueira

    Oficina de percussão e ritmo com Rafaela Brito

    – 22/07 (sexta) às 15h – Escola de Música de Mãe Luiza – Coordenação Padre Robério Camilo e Ion Garcia
    Oficina de poesia com Miguel Carcará

  • Testes de Covid-19 estão disponíveis na rede de Saúde de Natal

    A Prefeitura do Natal, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS/Natal), disponibiliza testagens de antígeno (teste rápido) e tipo RT-PCR (SWAB) para diagnóstico da Covid-19 na capital. As pessoas com sintomas leves (febre, tosse, coriza, moleza no corpo) podem buscar as unidades de saúde para consulta médica e realização do exame.
     
    A testagem rápida está disponível em qualquer unidade sem solicitação médica, com coleta do material durante o expediente, e resultado disponível após alguns minutos da realização.
     
    O teste tipo SWAB deve ser realizado em unidades específicas, conforme lista abaixo, somente com prescrição médica após consulta no local, entre o 3º e 7º dia de sintomas. O resultado sai em 48h de acordo com a demanda das análises.
     
    RT-PCR para Covid-19

    Distrito Sul: USF Rosângela Lima (seg a sex das 09h às 11h30), USF Ponta Negra (seg a sex das 07h às 10h30) e UBS Nova Descoberta (seg a qui das 08h às 12h e 13h às 15h30);

    Distrito Leste: USF Brasília Teimosa (seg a sex das 13h às 16h), USF Rocas (seg a sex das 13h às 16h), UBS São João (seg a sex das 08h às 17h);

    Distrito Oeste: USF Bom Pastor (seg a qui das 13h às 16h), USF Monte Líbano (qua e qui das 13h às 16h) e UM Felipe Camarão II (seg, ter e qui das 08h às 12h);

    Distrito Norte I: USF Nova Natal (seg a sex das 12h30 às 14h40) e USF Pajuçara (seg, qua e sex das 07h às 11h);

    Distrito Norte II: USF Vale Dourado (ter e qui das 08h às 11h), USF Panatis (ter e qui das 13h às 15h) e USF Parque dos Coqueiros (ter e qui das 08h às 11h).

  • Alameda é entregue pela Prefeitura no bairro de Capim Macio

    Mais uma alameda para a prática de exercícios foi entregue nesta quarta-feira (08) pela Prefeitura de Natal. Desta vez, a população de Capim Macio foi beneficiada com a entrega do equipamento instalado no entorno da lagoa de captação do bairro. Além do investimento na iluminação em led, o espaço foi reurbanizado, ganhou novos bancos, pintura e projeto paisagístico. 

    Os serviços de ampliação de espaços de lazer, esportes e convivência seguem avançando pela cidade. Este ano, a Prefeitura já entregou também alamedas no bairro Nordeste e nas Quintas. Além disso, estão sendo executados os serviços de requalificação na praça do Cruzeiro, na Vila de Ponta Negra, do Parque Ecológico de Capim Macio e da Praça Abel Lira, no Tirol.

    “Esse é mais um equipamento público moderno, estruturado e funcional entregue pela gestão do prefeito Álvaro Dias que tem um claro compromisso com a melhoria da qualidade de vida da nossa cidade, ampliando esses espaços onde as pessoas poderão praticar suas atividades esportivas, de lazer e convivência. Esses investimentos vão seguir acontecendo em toda Natal”, detalhou o secretário municipal de Serviços Urbanos, Irapoã Nóbrega, que coordenou a cerimônia de entrega da alameda, representando o chefe do executivo municipal. Em função de outros compromissos, o prefeito Álvaro Dias não pôde participar.

  • Prefeitura de Natal vai ampliar recuperação de ruas e iniciar “Operação Pós-inverno”

    A Prefeitura de Natal vai ampliar os trabalhos de recuperação das vias da cidade. No próximo dia 15, terá início a Operação Pós-Inverno na cidade. Este ano, segundo informações da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinfra), o regime de chuvas mais rigoroso provocou um aumento de cerca de 30% nos atendimentos do órgão.

    Serviços como obras de recuperação de pavimentação (Operação Tapa Buracos), recuperação após afundamentos de pistas (devido à drenagem), quedas de muro e escavação de lagoas de captação (para evitar transbordamentos), entre outros, serão realizados através de uma “força tarefa” em todas as zonas administrativas de Natal.

    “A cidade sofreu com o fenômeno climático Ondas de Leste, assim como várias capitais e cidades nordestinas. Por aqui, mesmo assim, não tivemos problemas de grandes alagamentos, quedas de encostas e, principalmente, perdas de vidas humanas. Agora é ampliar o atendimento às demandas e consertar os danos causados pelas chuvas”, comentou o prefeito Álvaro Dias, ao visitar nesta terça (7) a rua José Luís da Silva, no bairro Nossa Senhora da Apresentação, uma das vias que já estão recebendo serviços de recuperação.

    Antes mesmo da Operação Pós-Inverno iniciar, a Seinfra já tem equipes nas ruas diariamente. Nesta terça-feira (7), estão sendo realizados serviços em vários bairros. São obras de reparo nas redes de drenagem das ruas: Rua da Sereia (Felipe Camarão), Rua Vicente Farache (Morro Branco) e Rua José Luís da Silva (Nossa Senhora da Apresentação).

    Além disso, a Prefeitura realiza os trabalhos de recuperação do asfalto na Rua Abdon Nunes (Tirol),  da Escadaria em frente ao shopping Via Direta  e a escavação do fundo da Lagoa do Conjunto José Sarney.

    “Em relação ao ano passado, os atendimentos cresceram cerca de 30% em em função do aumento de chuvas. No entanto, graças à atuação da Prefeitura de Natal, mesmo no dia da chuva que aproximou a cidade dos 250 mm, por exemplo, apenas duas lagoas precisaram ser observadas em função do trabalho preventivo que foi feito nas lagoas de drenagem”, explica o secretário da Seinfra, Carlson Gomes.

    De acordo com o Sistema de Monitoramento da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn), foi registrado um volume médio de 144,6 milímetros de chuvas no estado em maio. Este número representa 41% acima da previsão para o mês – que era de (102,5 mm). A região Leste Potiguar, onde está Natal, recebeu o maior volume, com acumulado de 249 mm.

    Segundo Carlson, as equipes estão trabalhando em regime de plantão em todas as áreas administrativas de Natal. “É um trabalho árduo, pois temos que encarar essa chuva acima do normal, buracos deixados pela companhia de águas, de energia, de gás, lixo nas bocas de lobo, que enchem galerias e causam afundamentos das pistas, e solicitações de serviços em vias estaduais como a Roberto Freire, João Medeiros Filho e Felizardo Moura, entre outras”, explica.

    Com a expectativa de redução nas chuvas, e início do mutirão no dia 15, a expectativa é que as vias sejam recuperadas com brevidade. “Vamos atuar em todas as zonas da cidade ao mesmo tempo”, reforça o secretário.

  • Orla de Natal vai receber R$ 120 milhões de investimentos da Prefeitura

    Com o objetivo de requalificar a infraestrutura da orla urbana da cidade, a Prefeitura de Natal está executando um conjunto de intervenções que irão modificar totalmente a realidade das praias do Meio, Ponta Negra e Redinha. O que se busca é valorizar, fomentar e potencializar a principal atividade econômica do Município que é o Turismo. Com a execução do projeto do Complexo da Redinha, da engorda e enrocamento de Ponta Negra e a qualificação viária da Praia do Meio, serão investidos mais de R$ 120 milhões. Os recursos aplicados são do Município e do Governo Federal.

    “A orla urbana de Natal precisa ser totalmente repaginada. Temos uma beleza natural de fazer inveja, mas somos conscientes de que precisamos melhorar nossa infraestrutura. É preciso oferecer conforto, segurança para os natalenses e turistas. Essa série de obras vai fazer com que o Município ganhe muito, já que são intervenções necessárias e urgentes. Já começamos o trabalho na Redinha, a licitação do enrocamento de Ponta Negra já foi finalizada e estamos no aguardo da licença para iniciar os serviços. Já a engorda estamos finalizando o projeto básico. Na praia do Meio, a Secretaria de Mobilidade Urbana também está nos trâmites finais do projeto. De uma ponta a outra, vamos entregar uma nova orla para a capital potiguar”, prevê o prefeito Álvaro Dias.

    A chamada engorda da praia de Ponta Negra vai deixar a faixa de areia com 100 metros, quando a maré estiver seca, e com 30 metros, quando estiver cheia. A intervenção acontecerá da área do Morro do Careca e se estenderá até imediações do Hotel Serhs. A complementação do enrocamento, protegendo a zona costeira, partindo do final do calçadão até um pouco depois do Serhs, também será realizada. A expectativa é de que os serviços sejam realizados em 30 meses a um custo de R$ 52 milhões.

    A obra será conclusão de parte de um projeto que já existe nas proximidades do Morro do Careca. Ao todo, a engorda terá 1.173 metros de extensão. A previsão é de que serão construídas também uma proteção costeira com 7 escadas e 4 rampas de acesso à praia. O projeto será realizado de forma pausada para evitar transtornos aos turistas e banhistas que trafegam pelo local. Nessa etapa do enrocamento, serão investidos R$ 23,5 milhões.

    Saindo de Ponta Negra, as intervenções vão alcançar as praias da Zona Leste. O projeto de qualificação viária da Praia do Meio está sendo elaborado pelos técnicos das secretarias municipais de Planejamento (Sempla) e Mobilidade Urbana (STTU). Toda a extensão do calçadão será recuperada, da praia dos Artistas até o Forte dos Reis Magos. Toda a parte de proteção costeira também será executada. Está prevista a recomposição da malha asfáltica tanto da Avenida Café Filho como da Avenida 25 de dezembro. Além disso, o projeto terá toda a acessibilidade necessária e ciclovia. Outra intervenção prevista é a construção de espaços de lazer e prática esportiva de esportes de areia.

    A Praça do Pescador, nas imediações do extinto Hotel Reis Magos, também será repaginada com a previsão de um novo traçado, ciclovia e demais serviços. Por fim, todas essas melhorias vão se estender pela Ladeira do Sol até o mirante localizado na avenida Getúlio Vargas, melhorando a iluminação do espaço, executando o recapeamento asfáltico e promovendo acessibilidade nas calçadas.

    “A orla leste está muito castigada. Vamos promover uma grande intervenção na área, melhorando as condições de tráfego, acessibilidade, criando espaços para a prática de esportes e demais atividades. A orla de Natal precisa e deve ser mais bem conservada e tratada. Vamos dar a devida atenção que esse espaço privilegiado merece”, assegura Álvaro Dias. Todo esse conjunto de obras está orçado em R$ 22 milhões. Há ainda a previsão de um serviço complementar de recuperação nos quiosques existentes do calçadão, mas, de acordo com a equipe da Sempla, essa será uma etapa posterior, já que os recursos garantidos não podem ser empregados nesse tipo de serviço.